9 Julho 2017 – Quinto Domingo Depois de Pentecostes.

Mensagem do Pai Celestial à Anne.

9 Julho 2017 – Quinto Domingo Depois de Pentecostes. O Pai Celestial fala após o Santo Sacrifício da Missa no Rito Tridentino segundo Pio V., através de Seu solícito, obediente e humilde instrumento e filha Anne.

Anne: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Hoje, 9 Julho 2017, celebramos o quinto domingo depois de Pentecostes. O altar do Sacrifício e o altar da Virgem Maria estavam ornados com abundante arranjo de flores. Os Anjos agrupavam-se em torno do tabernáculo e também em torno do altar da Mãe de Deus. Eles entravam e saiam.

O Pai Celestial falará hoje: Eu, o Pai Celestial, falo agora através de Meu solícito, obediente e humilde instrumento e filha Anne, que se encontra totalmente em Minha vontade e repete somente palavras que vem de Mim.

Pequeno rebanho amado, amados seguidores e peregrinos e fiéis de perto e de longe. Hoje, Eu também tenho algumas instruções para vós, as quais deveis seguir. Eu desejo isto desta maneira.

Pequeno rebanho amado, tende atenção futuramente à Minha mais difícil etapa de Meu tempo. Vós sabeis que Eu já iniciei a intervenção. Em consequência disso, Eu já vos dei algumas instruções. Vós as observastes. Seguem-se ainda muitas especialidades que vós reconhecereis durante a intervenção. Como sabeis, esta intervenção é totalmente poderosa. O terrorismo não somente teve seu início, mas também progrediu enormemente. Além do mais, a islamização na Alemanha ainda também progride.  

Lamentavelmente, Meus amados bispos, vós não estais na posição e na vontade de vos defenderdes, enquanto anunciais e testemunhais a verdadeira fé católica. Vós não estais mais ao lado da verdadeira fé. Vós vos tornastes até mesmo heréticos. Eu gostaria até mesmo de dizer-vos que vos tornastes anticristo e, isto, na autoridade eclesiástica.

Como quereis vós confessar este pecado diante de vós mesmos e diante de vosso eterno Juiz? Quão frequente Eu vos chamei atenção para as Minhas mensagens? Porém, vós as desprezastes, zombarstes e caluniastes. Minha pequena amada expiou por vós. Ela também expia ainda hoje. Até agora vós desprezastes o Santo Banquete Sacrificial de Meu Filho Jesus Cristo. Vós continuais a estar no altar do povo, celebrais a missa para o povo e virais as costa para Meu Filho. Podeis também responder por isso? Ainda aos leigos partilham a comunhão nas mãos. O Vaticano II até hoje não foi declarado como inválido, apesar de saberdes que tudo está arruinado à incredulidade e à descrença. Vós já compreendeis isto e, contudo, acreditais que podeis fazer com a fé católica o que quiserdes. Hoje assim, amanhã de maneira totalmente diferente, exatamente como vos agradais. Porém, jamais orientais segundo Meu plano e desejo. Meus desejos para convosco são totalmente diferentes.

Eu vos amo e gostaria que durante esta intervenção vós ainda convertais. Confiai, sim, em Mim, o Pai Celestial, e doai-vos totalmente ao Coração Imaculado de vossa Mãe Celestial. Só assim, estais protegidos do mal. No momento, o mal ataca porque ele exerce seu poder e vós não vos resistis a ele. Vós não prestais atenção à suas más palavras e intervenções. Ele toma posse de vossos corações, quando vós não estais extremamente alertas. Frequentemente, não percebeis que muitas coisas correspondem à inverdade e enganam a vós, porque o mal é astuto.

Muitas pessoas não reconhecem onde, de fato, está a verdade na igreja católica de hoje, porque ela não é mais testemunhada. Vós, Minha amada autoridade eclesiástica, sois responsáveis pela verdade. Um dia vós tereis que confessar isto diante do eterno juiz no céu. E então como ireis reagir se Eu não puder atribuir-vos um lugar no céu? O que acontece convosco? Quereis ser atirados no fogo eterno? Agarrai definitivamente a última palha que Eu vos lanço.

Quão amargo é para Mim, o Pai Celestial, o fato de vós não cumprirdes os Meus desejos e Meus planos. Vós sois Meus vocacionados e escolhidos. Permanecerdes fiéis à vossa vocação? Não, certamente não.

Vós não podeis dizer, vós ainda obedeceis a este anticristo que ainda hoje ocupa o Santo Trono e colocai-vos ao seu lado.

Desta maneira, é fácil para vós seguirdes o caminho. Porém, este caminho é o mais fácil e não está em Minha vontade. Vós seguis então os incrédulos. Tentai, por favor, fazer uso da clara compreensão neste último tempo; Eu apelo à vossa razão. Aonde chegastes? Eu luto por vós diariamente com Meus escolhidos. Quão muito sofre a vossa Mãe Celestial pelas vossas almas confusas? No entanto, Ela não cede. Ele persegue vosso caminho e não vos deixa sozinhos, pois Ela é sim vossa Mãe. Uma Mãe nunca abandona seus filhos, mesmo se eles seguem os incrédulos. Vossa Mãe Celestial não deseja que sejais atirados na eterna condenação, mas sim, que sejais salvos.

Podeis ainda suportar as lágrimas de vossa Mãe Celestial? Ela chora por vós em muitos lugares. Ela chora lágrimas amargas e estas lágrimas vós as negastes, sim, até mesmo zombado delas em Heroldsbach e em muitos outros lugares.

Ela chora lágrimas amargas e estas lágrimas vós as negastes, sim, até mesmo zombado delas em Heroldsbach e em muitos outros lugares.

 

“Eu, vossa amorosíssima Mãe, vossa Rosa Rainha de Heroldsbach, falarei hoje para vós,”

Vós não sois os apoiadores de vossa Mãe Celestial. Pelo contrário, vós desprezais Suas palavras e Seu amor. Vós A empurrais para o lado. Não percebeis como Ela sofre? Ela permanece, sim, vossa Mãe Celestial e é a lutadora por vossos coracões confusos e inflexíveis. Contudo, Ela vos ama. Por favor, não esqueceis disto.

Ela espera por vosso amor recíproco, em que celebrais de maneira definitiva o Santo Sacrifício da Missa na forma devota, que permitais a comunhão na boca, que também a praticais precisamente de joelhos e não deixais que os leigos tomem este privilégio nas mãos. Até o momento vós não fizestes isto. Vós continuais a cometer este grave sacrilégio.

Eu vos amo, Meus amados sacerdotes de perto e de longe. Eu sofro por vós e vos sigo. Eu não vos abandono, mesmo se vós já seguis o caminho do engano.

Eu luto por vossas almas neste último e dificílimo tempo. Eu imploro por vossa eterna felicidade no céu. Eu luto por vossos corações, para que eles se abram para a verdade e para a única igreja católica e apostólica, a qual Meu Filho Jesus Cristo estabeleceu.

Acreditai na verdade e confiai no vosso Pai Celestial que vos ama infinitamente e que nunca desistirá do combate por vós.

E assim, abençoo-vos Eu na Trindade com vossa Mãe Celestial, a Rosa Rainha de Heroldsbach, a Rosa Mística e a Mãe e Rainha da vitória, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

O amor de vosso Pai Celestial vos é garantida. Lutai este último combate, pois ele vale a pena.