8 Dezembro 2015 – Festa do Coração Imaculado da Santíssima Virgem Maria

Mensagem da Mãe de Deus à Anne

8 Dezembro 2015 – Festa do Coração Imaculado da Santíssima Virgem Maria. A Mãe de Deus fala após o Santo Sacrifício da Missa Tridentina segundo Pio V., através de Seu instrumento e filha Anne.

Anne: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém. Hoje celebramos a festa da Imaculada Conceição, a grande festa da Mãe de Deus. Para esta festa a Mãe de Deus recebeu como presente um enorme e maravilhoso arranjo de rosas brancas com cálices de flores azuis, de acordo com o que a Mãe de Deus transmitiu-me. O altar da Santíssima Virgem Maria estava ornado com rosas e velas. Muitos Anjos estavam presente. Um maravilhoso perfume de rosas preenchia todo o espaço. As velas chamejavam e irradiavam uma luz alaranjada. A Mãe de Deus estava, particularmente, satisfeita durante o Santo Sacrifício da Missa, pelo facto de nós termos prestado honra a Ela nesta festa, através de uma hora de devoção, através da hora da Graça.

A Mãe de Deus falará: Eu, vossa Mãe Celestial, falo agora e neste momento através de Meu solícito, obediente e humilde instrumento e filha Anne, que está na vontade do Pai Celestial e hoje repete somente palavras Minhas.

Eu, vossa Mãe Celestial, agradeço-te de forma muito especial, Minha pequena amada, pois você hoje pôde carregar o sofrimento do Salvador do mundo. Cada uma de suas lágrimas era uma preciosidade para o salvador do mundo. Eu sofri ao extremo, pois como pode uma Mãe Celestial não sofrer quando Seu amorosíssimo Filho carrega estas dores no Meu dia de festa?  Quão valente você foi, Minha pequena, quão valente, pois você sentiu a solidão e o abandono. Minhas correntes de lágrimas não pararam hoje e se tornaram um pequeno fluxo de sangue, quando você caiu de joelhos. Você seguiu neste caminho da cruz corajosamente e valentemente. Meu Filho Jesus Cristo sofreu junto com Sua Mãe, pois você experimentou a Sua queda, Sua solidão e Seu abandono hoje.

Obrigado, pequena amada Monika, por sua compaixão, por suas lágrimas. De forma única, você sentiu este sofrimento profundamente. Você não pôde outra coisa, senão se compadecer. Seu coração estava profundamente de luto.  Você implorou à Sua Mãe Celestial para que Ela pudesse tomar (para Si) este sofrimento de Sua pequena alma de expiação. Todavia, Eu, como Mãe Celestial, digo-te, que este sofrimento era preciosíssimo. Preciosíssimo porque ele foi aceito por Minha pequena. Eram lágrimas de amor, porque ela ainda rezou com correntes de lágrimas (nos olhos) e não parou de lhas oferecer a Mim, a Mãe Celestial, para caminhar Comigo a via sacra em Meu dia de festa..

Eu sou a Imaculada Conceição. Como Imaculada Conceição Eu fui concebida por Minha Mãe Anna. E vós honrastes também hoje esta Mãe Anna com a oração e canção da Santa Mãe Anna. Obrigado por esta oração. Obrigado pela hora da Graça, obrigado por Minha festa que vós hoje Me fizestes.

O amor estava em seu coração, Minha pequena amada. Você chorou e não sabia onde você devia ir com seu desespero. Esta solidão era difícil de carregar e todavia você disse “SIM” ao seu Salvador do Mundo e Criador, seu amorosíssimo Jesus, ao qual você sacrificou tudo. Eu te agradeço.

Sim, o mal contribuiu. O mal estaria agradecido, caso você não tivesse recebido esta mensagem. Ele queria derrubar-te, porque ele percebeu que sua força estava no fim. Você estava próximo do desmaio, mas, todavia você disse: “Sim Pai, mesmo para esta mensagem eu irei resistir. Eu ofereço a Ti esta solidão”. Eu quis elevar a cruz, Minha pequena, para que isto não parecesse tão pesado para você.  Sua amorosíssima Mãe estava junto de você. Você estava cercada por muitos, muitos anjos. E Eu, como Mãe Celestial, gostaria de agradecer a você e à sua pequena alma de expiação Monika por esta compaixão.

Quem faz orações e não sente piedade alguma, significa que esta alma é fria e as orações certamente não tornarão frutíferas, especialmente para os sacerdotes. Os sacerdotes sabem porque eles realizam conversa na hora da confissão (de um fiel) de forma vazia . É porque é sempre o mesmo que lhe será outorgado. Eles devem sentir compaixão, mas não querem isto. Eles acham que é mais fácil ter um discurso “pré-fabricado” para serem mais queridos. Mas, desta forma,  eles se fazem impopulares, porque lhes falta esta compaixão. Seus corações já estão frios. Sim, assim o é, Minha pequena amada.

Você pôde hoje sentir esta frieza. Mas Eu te agradeço por esta sua bravura e coragem. Você ainda rezou e não desistiu. Eu te agradeço também pela Santa Confissão, porque você achou agora que tinha que dizer tudo o que está no teu coração. Você estava desesperada e achou que não aguentaria mais. Mas aí veio a amorosíssima Mãe de Deus e te consolou. Ela enxugou as lágrimas de teus olhos.

Você sentirá também este sofrimento no dia de amanhã, pois o Salvador do mundo necessita deste sofrimento para muitos, muitos sacerdotes que definitivamente não querem que seja celebrado o Santo Sacrifício da Missa no Rito Tridentino segundo Pio V.. Isto não lhes é agradável. Eles não se arrependem de coração. Pelo contrário, vossa amorosíssima Mãe continua a chorar lágrimas amargas por eles.

Eu te agradeço, amorosíssima pequena, pelo facto de você ter tido compaixão na via sacra do salvador, por você ter estado lá quando o Salvador do mundo precisou de você e por você hoje ainda dizer seu solícito “SIM”, pois isto foi o sofrimento de amor do Salvador. Eu te amo. Eu gostaria de agradecer, de forma muito especial, à alma de expiação Monika por sua compaixão.

Abençoa-vos agora, a vós e a todos os seguidores e todos que acreditam e confiam nas mensagens, o Salvador do mundo, com vossa amorosíssima Mãe, com todos os Anjos e todos os Santos, especialmente hoje com vossa amorosa Santa Mãe Anna e as preciosíssimas lágrimas do Salvador do mundo, em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

O amor do Salvador do mundo impulsiona-vos e vós progredis, não retrocedeis, mas sim avançais. Amém.