31 de Marco 2016 – O Pai Celestial Fala Após um Longo Tempo. (Parte 2)

Mensagem do Pai Celestial à Anne (Parte 2)

Segunda parte.

Estai preparados para este sofrimento! Este é um sofrimento por amor, um sofrimento por amor sem fim – diariamente, a toda hora. As pessoas devem ficar, a saber, que você, Minha pequena, deve padecer o sofrimento pelo mundo. Eles devem também ficar a saber que você não desiste e que, no momento, não é possível colocar mensagens na internet, porque Eu, Minha pequena Anne, sofro através de você. Eu não posso fazer outra coisa, a não ser pedir a vós, Meu pequeno rebanho, este consolo.

Vós, Meus seguidores, apoiai Meu pequeno rebanho em segundo plano. Apoiai-os. Eu desejo isto de vós! Não desistais e acreditai, que estas mensagens que desejais, não podeis receber no momento!

É somente por causa deste sofrimento. Eu, o Pai Celestial, tenho que suportar todo este sofrimento por vós todos, porque Eu tenho que testemunhar isto em todo o mundo. Somente vós estais ai para Meu consolo – somente vós, Meus amados.

Eu desejo de Meus sacerdotes que Eles se convertam. Eles, porém, são todavia teimosos e mudos. Ninguém deles está disposto a celebrar Meu Santo Sacrifício. Não, eles Me oferecem uma missa do povo. E Eu não posso Me transubstanciar quando eles retornam-Me as costas. Mas vós, Meus pequenos, vivenciais este Santo Sacrifício diariamente. Quanta alegria vós Me preparais e quantas Graças e Bênçãos fluem  ao mundo desta maneira. Quantas Graças, quanta alegria, quanto consolo vós Me dais. Isto, Minha pequena Anne, não podeis imaginar. Continuai a carregar sua dor.

Você pode se queixar. Eu sempre digo isto. Eu também sempre repito isto: Você pode queixar-se. Eu sei o que envolve sua dor. Eu sei sim tudo. Você acredita que o seu Pai Celestial te perde de vista em algum momento? Não, sequer um minuto. Eu estou junto de você. Você dá-Me uma grande alegria neste sofrimento por amor, juntamente seu pequeno rebanho que deve suportar isto com você. E por isso Eu envio esta mensagem ao mundo – por isso. Eu não posso dizer nada, a não ser falar sobre este sofrimento. Sim, vosso Pai Celestial necessita também que Ele possa falar, que Ele possa diariamente falar, que Ele demonstre estar agradecido – Eu, o Pai Celestial. Eu digo a você obrigado por tudo.

Eu padeço o sofrimento de expiação com você e Eu não desisto, pois Eu necessito disso. Eu quero te servir através do seu sacerdote confessor. Ele está ao seu lado. Você pode agradecer diariamente pelo fato dele resistir diariamente ao seu lado, porém somente através de Minha força divina. Eu vou colocar palavras em sua boca que te apoie, força que te demonstre que Eu te amo e para que você não desista.

Você quis duvidar em alguns dias. Isto é humano e normal. No entanto o seu Pai Celestial está já presente neste momento ao seu lado e te guarda. Nos seus olhos está visível o brilho de seu Pai Celestial. Ele Se espelha nele. Quando você fala estas palavras, sou Eu em seus olhos. Nada pode ser mais lindo para você a não ser ficar, a saber, das palavras do céu. Elas devem te fortalecer diariamente. E vós todos necessitam deste fortalecimento. Por isso é que Eu sempre falo para vós. Se as coisas vos parecerem demasiada difícil no dia, então vinde para a Minha pequena Anne. Neste momento Eu vos fortalecerei através dela, pois Eu falo através dela. Eu falo em seu coração.

Eu estou em seu coração e não vos deixo sozinhos jamais. Vós vos tornastes tristes, tristes e sós. Assim deveis estar, mas não desesperados. Vós deveis experimentar diariamente a Minha força. Vinde diariamente à Anne. Através de Minha Anne Eu falarei. Ela não desiste, pois Eu a fortaleço. Segundo os critérios humanos ela iria desistir de tudo, todavia Eu, o Pai Celestial, estou nela no momento e fortaleço Meu pequeno rebanho.

Sofrimento de amor é sofrimento de expiação. Não é fácil de suportar, porém para vosso Pai Celestial quereis fazer tudo. Eu sou sim o vosso fundamento, vossa vida. Nada pode mais fortalecer-vos a não ser Eu. Nada são palavras no mundo a não ser as que vosso Pai Celestial vos fala. O que significa (mais) para vós, as palavras e as atitudes do mundo ou as palavras do Pai Celestial? Somente elas podem fortalecer-vos, pois Eu quero estar junto de vós a toda a hora e diariamente. Eu gostaria de ouvir a todo o momento: “Pai, eu amo-te“! Pai, eu não desisto! Pai, fotaleca-me! Pai, Eu nao posso muito mais!“ Tudo podeis dizer. Apenas diga isto a Mim. Não sede mudos, calados e em silencio, mas Eu quero ouvir agora tudo de vós.

As coisas caminham, de fato para o fim, Meus amados. Vós percebeis isto. Tudo está destruído ao chão. A igreja católica inteira está no chão. Todos os homens experimentam somente o mundo quando eles não Me amam. Mas através de vós, Eu recebo este consolo que Eu agora necessito. Vós Me compreendeis corretamente? Eu necessito de vós. Eu desejo que vós vivenciais este sofrimento como sofrimento de amor.

Vosso Pai Celestial vê todo o mundo estar num pântano. O que Eu vejo, Meus amados, vós não podeis imaginar. No entanto Eu venho até vós e posso vos abraçar, pois vós Me consolais no momento. Vós consolais-Me através de sofrimento e através de dores. Podeis imaginar que Eu, o grande Pai Celestial na Trindade necessito de vossa consolação? Sim, assim é. Eu desejo o vosso consolo e não de outro. Eu desejo de vós. Daí Eu, o Pai Celestial, fico novamente contente, pois Eu vos escolhi, pois vós quisestes ficar junto de Mim, pois vós sempre demonstrais-Me que Me amais. E isto é o maior: amor sobre amor, fidelidade sobre fidelidade, mansidão sobre mansidão. Eu sou manso e humilde de coração. Eu modelo vosso coração de acordo com o Meu coração. E Eu quero morar em vosso coracão.

Eu não estou somente em você, Minha pequena amada, mas também em todo o apartamento. Eu não Me tranco somente no tabernáculo. Não, Eu estou presente em toda a Minha Divindade e no Humano em toda a parte de vosso apartamento. Podeis imaginar isto? Eu sigo-vos em todo o momento. Tudo o que fazeis Eu vejo. Tudo o que padeceis, Eu padeço. Mas o vosso Pai Celestial está agradecido quando dizeis: „Pai, eu nao desisto! Pai, este sofrimento é um sofrimento de amor por Ti! Por Ti eu padeco  isto e quero todavia estar ai para o Teu consolo. E a Ti eu gostaria de dizer tudo, pois meu coração está cheio, cheio de sofrimento de expiação, porem também cheio de Tuas palavras do céu.”

Minha pequena Anne tem o seu coração cheio com sofrimento e orações. Você pensa que você não reza todo o dia. Todavia você reza. Você reza sim em seu coração, quando dizes: “Pai, ajude-Me! Pai, Eu não posso mais! Pai onde Tu estás?” Você está a todo o momento para Mim. Você serve-Me em seu sofrimento. E quando você Me chama então Eu sei que você acredita em Mim e confia em Meu amor. Você quer estar ao Meu lado e você vê o Meu sofrimento, Minha pequena Anne, – Você vê o Meu sofrimento. E desta maneira você sofre por mim por consolo não Me deixando sozinho. Você Me vê em Meu Filho Jesus Cristo dando passos em direção à montanha do calvário. Vós estais neste caminho agora, Meu pequeno rebanho. Sempre um degrau avante e não retorneis. Não olhais para trás. Vós ides para cima somente se Eu vos fortaleço.

Vós estais conectados com o Pai Celestial, Meu pequeno rebanho amado. A todo o momento e em cada ângulo de vosso apartamento Eu estou presente na Minha Divindade e no Humano. Portanto, chamai, gritai e não vos torneis mudos. Na última tarde Minha pequena vos disse: “Falai sim, eu devo falar” Sim, Minha pequena, você deve falar Comigo. E este falar você faz agora. Você pode sempre Me chamar. Eu vou responder toda a pergunta que Me for atirada pelo Meu pequeno rebanho e estarei ao vosso lado. Elas devem fortalecer-vos. Eu sempre demonstrar-vos-eis: Eu estou junto de vós! Eu amo-vos sem limites, Meu pequenos amados.

Continuai a vir até Mim e demonstrai-Me que vós Me amais de verdade. Amém.