31 de Marco 2016 – O Pai Celestial Fala Após um Longo Tempo. (Parte 1)

Mensagem do Pai Celestial à Anne.

31 de Marco 2016 – O Pai Celestial, após longo tempo, fala através de Seu solícito instrumento e filha  Anne, que tem que suportar o mais difícil sacrifício de expiação pelo mundo neste período desde a um ano e três meses. Para isto um fim ainda não é previsto.

O Pai Celestial fala: Eu, o Pai Celestial, falo agora através de Meu solícito, obediente e humilde instrumento e filha Anne, que se encontra totalmente na Minha vontade e somente repete palavras que vem de Mim.

 Primeira Parte.

Pequena amada Anne, na manhã de hoje Eu falei com você ao acordar, pois você se queixou ontem que podias fazer muito pouco trabalho. O trabalho que você deseja fazer Eu não posso te dar em um piscar de olhos, pois Eu não posso tirar de você este sacrifício de expiação, como você deseja.

Toda a igreja está totalmente destruída (aos pedaços) no chão e se encontra no pântano. Você quer ainda deixar-Me também sozinho no seu amor e na sua expiação? Você quer desistir ou você quer dar a Mim, o Pai Celestial, tudo por amor? Sofrimento de amor é sofrimento de expiação. Isto são sacrifícios que você apresenta (a Mim). E Eu desejo de seu pequeno rebanho, que vós trazeis a Mim como consolo, este sacrifício por toda a igreja. Todos os sacerdotes deixam-Me agora sozinho. Eu mesmo caminho para a montanha do calvário em Meu Filho passo a passo e esta subida deveis também caminhar. Isto é Meu último tempo, o qual vós vivenciais.

Você, Minha pequena, padece de grandes dores. Porém não desistais, pois você está ai para o Meu consolo com o seu pequeno rebanho. Vós sois quatro, somente quatro pessoas. Vós sois somente quatro e destes quatros as coisas dependem para continuar a escalar. Vós não podeis desistir. Esta destruição também deve ser sofrida até o último momento, pois Eu necessito da expiação por todo o mundo. Quereis desistir agora e deixar-Me sozinho? Eu desejo vosso sofrimento, Eu desejo vossas dores e vossas tristezas. Elas estão ai para o Meu consolo. Vós consolais a Mim, o grande, poderoso Deus Trino, o Pai Celestial. Eu padeco o maior dos sofrimentos em você, Minha pequena Anne. Você quer ainda agora desistir? Você quer duvidar ou você quer começar de novo? Eu estou disponível para falar com você todas as horas do dia e da noite. Eu vou falar alto em seu coração. E quando vós experimentais a tristeza, vinde para a Minha pequena Anne e Eu, o Pai Celestial, falarei. Não é ela que fala, mas sim Eu, como o Meu Sacerdote já percebeu.

Vós estais no fim. Vós necessitais desta força divina, e Eu a vos envio, pois Eu vos amo imensuravelmente a todo o momento. Eu estou presente em todo o lugar com Minha divindade e humanidade. Não somente no tabernáculo de vossa igreja-casa, mas também em toda a esquina. Eu olho em vossos olhos. E através de ti, Minha pequena Anne, Eu falo e Eu sou visível em seus olhos. O brilho do céu irá brilhar em teus olhos, pois você recebe as palavras divinas. Elas não são suas. Não são suas forças agora que agem, mas sim Minha força. Você está deitada impotente e repleta de dores em  seu quarto e gostaria de desistir. Você pode queixar-se a qualquer momento, também pelas suas dores, pois isto é humano. Não desistas, mas dê um passo adiante! Chamai-Me, Chamai todos os Anjos, Chamai a Mãe Celestial. Ela colocar-se-á ao vosso lado. Tudo são dádivas. Não é a Santa Missa diária um presente para vós? Em Meu sacerdote Eu transubstancio em toda a Santa Missa.

E agora, todos os Meus outros sacerdotes deixam-Me sozinhos. Eles se tornaram teimosos, cegos e surdos às Minhas palavras. Por isso Eu vos imploro: não Me deixeis agora também sozinho. Eu Me coloco em vós, Eu confio em vós, pois Eu amo-vos a todo o momento de vossas dores e sofrimentos. Teu trabalho agora é expiação, Minha pequena Anne. Você pensa que você não será amada pelo Pai Celestial, mas que Eu tenho que tirar-te este sofrimento e depois Eu irei te amar. Não, pelo contrário. É pelo fato de Eu te amar é que Eu te envio este sofrimento de expiação. Você não precisa entender. Você só precisa dizer “Sim Pai, eu amo-Te. Eu quero ser estar ai para o Teu consolo. Eu não Te deixo sozinho.  Eu sofro isto se assim Tu o queiras, mas ajudai-me, pois eu sou fraca. Estas fraquezas são perceptíveis a mim agora, mas eu sei que Sua força divina me coloca de pé novamente. Você prometeu-me agora poder chamar-Te a toda hora do dia e da noite e que o Senhor irá me responder. O Senhor irá falar comigo, o Senhor vai falar com o Seu pequeno rebanho e o fortalecer.”

O pequeno rebanho não deve se calar, mas sim chamar-Me, pedir-Me, implorar-Me. Eu responderei a tudo. Somente ficar calado é que vós não deveis. Eu estou disponível para falar a toda hora do dia e da noite. Eu vos direi tudo, pois Eu quero estar unidos convosco.

Eu irei ouvir seus sofrimentos. Eu sei tudo, mas Eu quero ouvir de vós o que se passa em vossos corações. Eu gostaria de ouvir tudo de vós, pois Eu vos amo. Eu gostaria de vos apertar em Meus braços. Eu gostaria de estar a todo o momento convosco, sentir-vos e, além disso, sentir este agradecimento em vossos corações. Se vós Me amais verdadeiramente, então falai Comigo, implorai-Me e Me chamai. Nenhum dos Meus sacerdotes não Me chama para que Eu possa estar ao lado deles. Todos os Meus sacerdotes Me deixaram sozinho e ninguém pergunta como vão as coisas Comigo nesta igreja destruída, Ninguém.
 
Todos se encontram no pântano e ninguém quer celebrar Minha Santa Missa em toda a devoção, mas sim a missa do povo, a modernista e lá, Eu não posso estar presente. Meus sacerdotes viram as costas para Mim e Eu não posso transubstanciar-Me através deles como Eu, o Pai Celestial, gostaria de o fazer. Assim, não é possível, pois eles viram as costas para Mim. Eles não pensam em Mim, mas em si próprio. Eles satisfazem a si mesmos e não esperam por Mim. Eu, o Pai Celestial, quero estar junto deles e isto não posso.

Estai ai ao menos para Meu consolo. Eu amo-vos. Eu gostaria de estar continuamente junto de vós a todo o momento. Vinde ao Meu coração ardente. Ele irradiará chamas de amor. Vossos corações serão preenchidos com este amor divino que derrama. Raios de graças sobre raios de graças serão enviados desta maneira ao mundo. Isto não podeis compreender, pois vós, Meu pequeno rebanho amado, aceitais o Meu amor e estais ai para o Meu consolo e escalais o último trecho rumo ao calvário. Isto são os últimos degraus: Sofrimento por amor sobre sofrimento por amor é necessário. Amor sobre amor, fidelidade sobre fidelidade, mansidão sobre mansidão, pois Eu sou manso e humilde de coração e modelo vosso coração conforme o Meu coração.

Estai preparados para estes últimos tempos que já se inrrompeu, pois vosso Pai Celestial levará isto a sério. Meus amados, Ele intervém, porém de maneira diferente da que podeis imaginar. Tudo será diferente da maneira que desejais, pois Eu sou o grande Deus Trino e ninguém, ninguém pode jamais imaginar como Eu intervirei. Tudo ocorrerá segundo o Meu plano celestial e isto, ninguém ficará saber.

Isto permanece o Meu plano e este Eu vou implementá-lo em toda a realidade. Permanecei fieis a Mim, Meus amados e estai disponíveis para falar por Mim e não pelos outros. Vós sois quatro que estais agora a cem por cento para Mim. Eu não necessito de nenhum outro para isso. Vós ireis partilhar parcialmente estas mensagens na internet para que as pessoas fiquem, a saber, quão muito Eu, o Pai Celestial, devo agora padecer tudo na alma de Minha pequena Anne. E isto é o suficiente para todos. E isto se repetirá continuamente todos os dias e por causa disso, não haverá nenhuma nova mensagem, mas Eu estarei agora totalmente disponível para Meu pequeno rebanho dia e noite. Sempre falarei em alta voz no coração da Minha pequena Anne, pois ela necessita agora desta força. Ninguém poderá fortalece-la – ninguém. Nenhum médico, Minha pequena, estará ao Seu lado para ajudar-te a aliviar estas dores. Somente Eu, o Pai Celestial, sei o que está a se passar. Eu sei tudo o que se passa, todavia vós deveis vos fortalecer uns ao outros através de Minhas palavras. Eu implovo-vos: Chamai-Me, chamai-Me a toda a hora do dia e nao estai tristes e desesperados, mas sigai esperanços de alegria para este mundo.

A dor é mais do que desempenhar atividades, as quais você quer fazer, Minha pequena. Se você fizesse tudo o que desejas num dia e, por causa disso, colocasse de lado Meu sofrimento de amor, então você não teria alcançado nada. Assim é que resultaria (caso você fizesse a sua vontade). Mas Eu desejo algo diferente de você, nomeadamente, que você carregue o Meu sofrimento, que você esteja ao Meu lado, que você aceite este sofrimento mesmo que isto pareça insuportável. Você não pode somente é desistir! Eu, o Pai Celestial, sofro em você. Eu estou verdadeiramente em você. Eu não te abandono. Somente você, por favor, não Me abandone com o Seu pequeno rebanho! Eu vos fortalecerei sempre com Graças celestes e raios de dons. Seja Meu pequeno rebanho e permanecei assim. Permanecei sozinhos, pois ninguém pode está junto de vós neste sofrimento, ninguém senão o vosso Pai Celestial na Trindade. Eu sou o mais valoroso para vós. Nada pode ser maior para vós, senão o Meu amor sem  limites e incompreensível para vós, mas o maior. Quereis vós agora continuar a percorrer este caminho? Subir os últimos degraus?

 “Sim Pai! Porém isto é demasiado difícil. Por favor, fortalecei-Me, pois senao eu desespero. Eu quero sim estar ai para o vosso consolo”.