25 Setembro 2016 – Décimo Nono Domingo Depois de Petencostes.

Mensagem do Pai Celestial à Anne.

25 Setembro 2016 – Décimo nono domingo depois de Petencostes. O Pai Celestial fala após um Santo Sacrifício da Missa Tridentina segundo Pio V., através de Seu solícito, obediente e humilde instrumento e filha Anne.

Anne: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém. O Altar do Sacrifício e o da Mãe de Deus estavam abundantemente adornados com arranjo de flores. O Santo Sacrifício da Missa foi celebrado com toda a devoção no Rito Tridentino, segundo Pio V.

O Pai Celestial falará: Eu, o Pai Celestial, falo agora e neste momento, através de Meu solícito, obediente e humilde instrumento e filha Anne, que se encontra totalmente em Minha vontade e repete somente palavras que vem de Mim.

Pequeno rebanho amado, amados seguidores e amados peregrinos e fiéis de perto e de longe. Eu cumprimento-vos hoje, neste domingo e (também) abençoo-vos.

Eu tenho muito o que vos dizer hoje. Meus amados, vós não entendereis, pois isto é a Minha vontade e desejo. Eu tenho a previsão sobre todas as obras, as quais não podeis sondar. Eu não posso dar-vos isto a conhecer, pois não compreenderíeis. Vós não podeis sondar, porque para o vosso pouco entendimento, isto não é compreensível.

Meus amados, estai atentos, pois o mal circunda como um leão que ruge e tenta devorar (tudo)  o que é possível para ele.

Alguns sacerdotes ainda irão querer se converter no último momento. Isto depende totalmente de seus livres arbítrios. Porém, lamentavelmente Meus amados, Eu, como Pai Celestial, estou muito triste pelo fato de que em Assis, este grande local de oração, teve lugar um encontro religioso comum de todas as comunidades religiosas. Eu já tive que derramar muitas lágrimas, porque a fé católica será vista não mais como a única verdadeira, mas como uma (fé) comum.

weltfriedenstreffen-2011

Encontro Religiosos em Assis (Itália 2011). “Porém, lamentavelmente Meus amados, Eu, como Pai Celestial, estou muito triste pelo fato de que em Assis, este grande local de oração, teve lugar um encontro religioso comum de todas as comunidades religiosas”

Há somente uma fé e esta é a católica, a fé da revelação do Deus Trino. Meu Filho Jesus Cristo estabeleceu a Santa Eucaristia, o Santo Banquete Sacrificial como último legado para nós, Meus amados, para que nós sempre possamos estar unidos a Ele.

Na Santa Comunhão Ele vem até nós no Humano e no Divino. Meus amados fiéis, este Santo Banquete Sacrificial não é algo especialmente grande e santo? Porém os amados sacerdotes não reconhecem este Banquete Sacrificial. Eles vivem como se Eu, o Pai Celestial na Trindade, não existisse.

Não mantenho Eu Minhas mãos abençoadas sobre todas as pessoas? Se não fosse assim muitos mais preciptariam para sempre no eterno abismo, onde há somente tormentos e ranger de dentes.

Sim, Meus amados, existe o inferno apesar de o negarem hoje. “Tudo é fantasia e isto são histórias, nas quais se acredita”, assim se diz. Meus amados fiéis, não podeis imaginar como se vive e ve hoje a fé católica. Indiferentes, vive-se perdidos sem Deus. Se diz: “Isto é símbolo, mas nenhuma realidade. Isto nós presumimos.”

A irrealidade se encontra hoje no modernismo. Rejeita-se e menospreza a tradição de antes.

Quão muito, Meus amados, Eu espero hoje por Meus sacerdotes? Quanta lágrima já derramou Minha amorosíssima Mãe, a Mãe dos sacerdotes? E todavia, estes sacerdotes seguem à incredulidade, à fé louca dos ídolos.

Eles não acreditam no Único, Verdadeiro Criador do céu e da terra, O que salvou a todos através de Seu Filho Jesus Crito que caminhou para a cruz por todos. Infelizmente nisto eles não acreditam.

Não, eles se tornaram sem Deus. E desta forma, esta fé católica se tornou mais uma entre muitas outras. Ela já pereceu nas crenças pagãs do Islã, do budismo e de outros ídolos.

Meus amados, todavia ela é algo muito grande, quando vós, Meus filhos do Pai e filhos Marianos, prestais a Mim este consolo, acreditais, confiais, sacrificais e orais pelos sacerdotes que ainda não estão convertidos.

Vós acreditais na única, verdadeira fé católica e vós a viveis e testemunhais. Por isso Eu agradeço-vos de todo o coração. Vós estais ai para o Meu consolo.

Todos os dias vós acreditais e confiais de novo, apesar de vós também não poderdes compreender e sodar muita coisa, apesar de vos tirar a honra. Vós suportais tudo na paciência e amor, porque amais o Ùnico, Verdadeiro Deus Trino e também demonstrais este amor a Mim em todas as vossas horas de tristeza e também de desespero.

Vós não desistis, pelo contrário, vós pensais no amanhã, na esperança. Vós viveis nesta esperança, pois há um amanhã feliz na casa da Glória.

Entrada da Casa da Glória. A casa do Pai Celestial

Ela é a única, verdadeira igreja, a nova igreja que surgirá em esplendor e Glória. Todas as pessoas se maravilharão com esta igreja. Eles admirarão e prostrarão em reverência, Meus amados.

Esperai por este dia. Não pensai nas coisas como elas aparentam agora. Sim, a fúria pode apanhar-vos, caso alguns desprezarem a fé e injuriarem, como aqueles jogam tudo abaixo com a crença de que nada é sagrado.

E todavia, venho Eu com Minha mão amorosa e abençoo também estes sacerdotes, porque Eu gostaria  tê-los de volta. Eu sei se Eu brilhar no fundo de seus corações e dar-lhes o conhecimento, eles encontrarão o arrependimento e derramarão lágrimas amargas sobre seus pecados graves e sacrilégios.

Eu irei perdoá-los após uma boa confissão, caso eles arrependam de suas culpas. Eu, o Pai Celestial, espero por isso de todo o coração. Eu sei que isto é possível e Eu dou-lhes novamente chances sobre chances.

Nossa amorosíssima Mãe não esperar por seus sacerdotes? E vós, Meus amados, não esperais vós por sua conversão? Por eles vós não expiais e rezais?

Não olhais para esta igreja destruída, mas olhai para o amanhã em que esta igreja gloriosa se levantará. Com esta esperança, viveis no futuro e, isto, é o vosso objetivo.

Não desistais mesmo que o mal vos ataque, mesmo que queira vos afastar ou que vos coloque muitos problemas no caminho, aos quais não podeis entender. Contudo há um amanhã. Há para vós todos uma esperança e Meu amor nunca acabará.

Vosso Pai Celestial guarda-vos e protege-vos, pois Ele vos ama e porque Ele ama todas as pessoas insondavelmente. E assim Eu abençoo-vos hoje com este amor sem limites na Trindade Divina, em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Vivei o amor, estai atentos e permanecei fiéis a Mim.