19. Abril 2015 – O Pai Celestial Fala Após Santa Missa Tridentina Segundo Pio V.

Mensagem do Pai Celestial à Anne Mewis. 

19. Abril 2015 – Segundo domingo após a Páscoa. O Pai Celestial fala após Santa Missa Tridentina segundo Pio V. na Casa da Glória em Mellatz através de Seu instrumento e filha Anne.

Anne: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.
Novamente, estavam o Altar do Santo Sacrifício e o Altar de Maria mergulhados em luzes brilhantes, especialmente o Jesus Cristo ressuscitado que se encontra no altar. A Mãe de Deus e o Menino Jesus tornaram-se iluminados várias vezes com luz clara durante a Santa Missa.

O Pai Celestial vai falar hoje: Eu, o Pai Celestial, vou falar agora, neste momento, através de Minha solícita, obediente e humilde instrumento e filha Anne que se encontra totalmente na Minha vontade e repente somente palavras que vem de Mim.

Hoje, festejamos o domingo do ” Bom Pastor”, diz Jesus: “Eu Sou o Bom Pastor”. Eu conheço os Meus e os Meus conhecem-Me. Como Eu conheço o Pai, assim deveis vós também conhecer o Pai e honrá-lo na Trindade. Acreditai na Trindade. ” Meu Filho Jesus Cristo gostaria de conduzir todos os Seus filhos sacerdotes aos pastos verdes e preenchê-los com sua benção, com a benção que um sacerdote pode dar aos outros quando ele encontra-se na plena verdade. Quando ele celebra o Meu Santo Sacrifício, nomeadamente o Santo Sacrifício da Missa segundo Pio V. no Rito Tridentino, na plena verdade e no amor. Nada mais corresponde à verdade.

Eu gostaria de pedir a todos os Meus sacerdotes para que definitivamente voltem para a Verdade. Vós estais enganados, Meus amados filhos Sacerdotes e não conduzis Minhas ovelhas aos verdes pastos, mas sim ao engano e à confusão.
O Pastor supremo nos dias atuais, conduz os seus sacerdotes, bispos, Arcebispos e Cardiais ao engano e à confusão, pois eles não têm mais Bom Pastor algum que Eu quis nomear, porém não pude. Ele foi nomeado pelos maçons e vós, Meus amados filhos sacerdotes, deveríeis reconhecer isto, se vós estivésseis na verdade.

Por outro lado, não será removido de vós este lenço negro dos olhos. Cada vez mais caminhais para a confusão e não percebeis, sequer, que vós estais na inverdade. Vós induzis Meus pastores a manterem-se continuamente na descrença. Vós, Meus amados bispos, forçais Meus filhos sacerdotes a seguir-vos na obediência. Porém a quem eles devem obedecer? A Mim o Pastor Supremo, a Mim o Sacerdote das alturas, a Mim o Deus Trino, a Mim o Altíssimo, o que está na Verdade e no amor, transmite esta verdade aos Meus sacerdotes que acreditam em Mim, que Me amam, que cuidam das almas, aqueles que, o Meu povo, Meu solícito povo,  deveis conduzí-los à verdade.

Porém, onde eles encontra-se agora? Na missa do povo e na confusão. Eles não sabem mais qual caminho tomar. Tudo o que eles pregam não chegam aos crentes. Pelo contrário, eles serão conduzidos mais acentuadamente ao mal. O mal tem livre circulação e ele não irá parar de enganar as pessoas. Pelo contrário, ele é o pai da mentira. Por isso, Meus filhos sacerdotes mentem para eles mesmos quando eles acreditam que se pode continuar a celebrar a missa do povo e que os leigos possam partilhar a comunhão nas mãos.

Eu não desejo isto. Isto não é a verdade. Eles não tem nenhuma devoção ao Meu Filho Jesus Cristo, que caminhou por todos até à cruz. Ele, como Bom Pastor, gostaria de conduzir todos aos verdes pastos. Porque Ele ama-los muitíssimo, mas eles devem-No obedecer e amá-Lo acima de tudo. Eles devem sacrificar-se à Ele no Santo Sacrifício da Missa e não no altar do povo. Ele ama-os a Meus filhos sacerdotes que não Me obedecem e que continuam a mostrar que não Me amam e que não querem persistir na fidelidade. Pelo contrário, eles já colocaram de lado suas batinas. Isto pode corresponder à verdade?

Hoje, tudo é possível. Os divorciados e os recasados podem até mesmo receber a comunhão, o alimento celeste. Isto corresponde à verdade? Não, de forma alguma não. Muitos pecados graves surgem disso. O pecado da não castidade é hoje difundido. Eu desejo a pureza dos sacerdotes, porem, onde eles estão? Consagram-se eles ao Coração Imaculado de Minha amada Mãe, que espera por eles? Que quer aconchega-los em Seu Imaculado coração e não pode? Que ama-nos e aguarda-os como verdadeiros sacerdotes consagrados? Eles são destinados e chamados, pois a autoridade de um sacerdote será valorizada e é a maior autoridade na igreja.

Acreditai, Meus filhos sacerdotes e convertei-vos! Convertei-vos definitivamente, pois virá o tempo em que vós saireis da confusão e vós decidireis pela verdade, pela verdade e pela vida, pois Eu amo-vos a todos e espero ansiosamente por vossa conversão!

E assim, abençoo-vos Eu, o Pai Celestial na Trindade, com vossa amorosíssima Mãe, todos os Anjos e Santos, em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. Amém.
Anne: Louvado seja Jesus, Maria e José na eternidade. Amém

Leave a comment

Your email address will not be published.


*