13 Dezembro 2017 – Quarta-Feira. A Mãe de Deus fala após o Santo Sacrifício da Missa

Mensagem da Mãe de Deus à Anne. 

13 Dezembro 2017 – Quarta-Feira. A Mãe de Deus fala após o Santo Sacrifício da Missa no Rito Tridentino, Segundo Pio V., através de Seu solícito, obediente e humilde instrumento e filha Anne.

Anne: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo Amém.

Hoje, 13 dezembro 2017, celebramos um Santo Sacrifício da Missa no Rito Tridentino Segundo Pio V. O altar da Mãe de Deus e o Altar do Sacrifício estavam abundantemente ornados com maravilhosas e variadas flores. Os Anjos entravam e saiam. Eles se agrupavam em torno do Tabernáculo e adoravam o Santíssimo. Eles transmitiram a paz e agradecimento. Ele baixavam suas faces em reverência. Eles veneravam também a Mãe de Deus e Lhe agradeciam pelo amor de Deus, o qual Ela nos quer enviar. Naturalmente, ele é de longe mais valoroso ao compararmos com amor humano. Este amor não é de se comparer com o humano. 

A Mãe de Deus falará hoje, 13 dezembro, dia de Fátima, Rosa Mística e dia de N. Senhora de Guadalupe: Eu, vossa amorosíssima Mãe, vossa Rainha e Vencedora em todos os combates de Deus, falo hoje, através de Meu solícito, obediente e humilde instrumento e filha Anne, que se encontra na vontade do Pai Celestial e repete somente palavras que vem de Mim. 

Eu, vossa amorosíssima Mãe, estou junto de vós. Neste momento, Eu gostaria de vos transmitir as instruções do céu. É uma grande alegria e agradecimento para vós o fato de poderdes celebrar um Santo Sacrifício da Missa neste dia. Eu, vossa amorosíssima Mãe, envio-vos diariamente as Graças e disposição das Graças Divina. Isto são dádivas do céu. Vós sois os donatários.

Vós experimentais muita coisa no mundo, as quais não vos fazeis alegres e satisfeitas agora. Todavia, podeis agradecer, porque a Graça do Deus Trino opera.

A satisfação enviar-vos-á a calma interior. Vós sabeis que o Pai Celestial tem sempre possibilidades, quando vossas possibilidades estão esgotadas. Ele irá ajudar-vos e vos auxiliar em todas as situações.

Vós vivenciais esta alegria interior, a satisfação mesmo quando vossas possibilidades estão esgotadas. O desespero não vos apodera, pois a paz entrou em vossos corações. 

Agradecimento, paz interior e alegria pelo nascimento do Cristo Menino. Disso é que consiste vosso tempo de preparação para a festa de Natal. A paz interior permanence mantida à vos, pois a fé penetra vossos corações. Vós podeis sempre estar felizes, mesmo se um caos surgiu no mundo. As impossibilidades do mundo não deve apoderar-vos. Eu vos peço frequentemente por mais paciência e perseverança. Confiai mais firmemente, mais profundo e não deixais ninguém retirar-vos esta fé de vós.

Isto será frequentemente difícil para vós. Todavia, o Pai Celestial consolar-vos-á depois com vossa capacidade de perseverança. Confiai Nele mas não na ajuda humana. Ela pode ser falha, pois a pessoa pode enganar-se em seu sentimento. 

Acreditai e confiai quando a cruz pesar em vossos ombros. Aceitai-a. É um grande sentiment de alegria aceitar a vossa cruz assim, como o Pai Celestial espera de vós. Esta cruz serve, nomeadamente, para a vossa salvação. 

Especialmente neste tempo de preparação para a festa de Natal, sois chamados, como expiadores pelos sacerdotes caídos, a assumir tudo o que vos parece desagradável. Vós podeis trazer muitos sacrifícios. Deveis assim confiar quando vossas possibilidades humanas estiverem esgotadas. Desta maneira, o céu pode atuar em vós. Caso estais quase a desmaiar diante das dificuldades, o céu irá pegar todas as possibilidades para vos proteger e vos demostrar o Seu amor.  Testemunhai continuamente a verdadeira fé, não caleis, caso tendes de testemunhar e mesmo quando vos parecer desagradável professá-la diante dos outros. O testemunho de fé é muito importante neste tempo de crise da fé católica.

Eu desejo que vós trazeis alegria ao céu neste tempo; testemunhar e o agradecer como o altíssimo bem. Este agradecimento causa uma paz eterna. Esta paz transmite às outras pessoas que não podiam acreditar até o momento. Vós podeis salvar, desta maneira, muitos sacerdotes, caso confiais e acreditais profundamente.

Há muitos sacerdotes que, até o momento, não estavam abertos à fé. Repentinamente, através de vossas orações e sacrifícios, eles se tornam encorajados a querer acreditar. Assim, eles podem alterar suas vidas de um momento para o outro.

Ocorrerá milagres de conversão neste tempo antes do Natal. Somente através de vossas expiações e orações podeis salvar muitas almas sacerdotais.

Eu vos agradeço, Meus amados filhos Marianos, por perseverardes até o momento e não estardes desesperados. Não desististes, mas peserverastes até o dia de agora.

Eu, vossa amorosíssima Mãe, amo-vos. Eu vos abençoo na trindade com todos os Anjos e Santos, em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Acreditai e confiai, pois o amor do Pai Celestial é relevante para vós. Para vós, isto significa celebrar o tempo pré-natalino cristamente, catolicamente e festivamente. Alegrai-vos todos os dias, Meus amados, pois o dia da segunda vinda do Pai Celestial não está mais longe.